• Rua Eurico Hosterno, nº 300 - Santa Mônica
  • Av. Mauro Ramos, 1861 - Sala 1002 - Edifício Terra Nova - Centro - Florianópolis - SC
  • (48) 3024-2929
  • (48) 99106 1300
  • contato@magdakoerich.com.br

Compartilhe...

Share
    • 08 MAIO 18
    • 0

    Quanto custa o tratamento com Invisalign?” é provavelmente uma das perguntas que mais ouço em meu consultório, ou mesmo na rua. De fato, a curiosidade é pertinente. Mas antes de falar do preço, sempre gosto de apontar alguns pontos importantes sobre o tratamento.

    Antes de calcular o valor do tratamento, é necessário que você entenda as vantagens do uso de Invisalign, tendo em mente que existem muitas variáveis que podem influenciar o preço total.

    Para que você compreenda essas variáveis em questão, resolvi preparar esse artigo. Nele, falarei um pouco mais sobre os custos com o tratamento Invisalign.

    Qual é o preço de um aparelho Invisalign?

    Obviamente, por motivos éticos, eu não posso compartilhar com você o valor de um tratamento Invisalign. No entanto, posso apontar alguns fatores que influenciam no preço total de um tratamento do tipo.

    Como qualquer outro procedimento ortodôntico, o preço vai variar de acordo com:

    • A complexidade do caso a ser tratado
    • O tempo de tratamento e o número de consultas para manutenção
    • A experiência do ortodontista com a técnica
    • O preço do aparelho em si

    Entenda: o aparelho Invisalign é um “produto”, e ele pode até ter o mesmo preço em diferentes ocasiões e consultórios. Mas o “serviço” (que inclui o bom atendimento em consultas, exames, conhecimento, profissionais diferentes, etc), pode variar de acordo com cada caso.

    O valor exato para o tratamento com Invisalign só poderá ser orçado em uma visita a um consultório ortodôntico. Aliás, preciso ressaltar que apenas um ortodontista certificado pode oferecer a você um diagnóstico para problemas bucais, e avaliar se o Invisalign é uma boa solução para você.

    O Invisalign é mais caro que um aparelho convencional?

    Quando me fazem essa outra pergunta, gosto de levantar comparações relacionadas ao custo benefício.

    Se você parar para pensar nas vantagens, vai perceber que o Invisalign pode até parecer mais caro, em um primeiro momento, mas na ponta do lápis, pode ter preços equiparados. Por exemplo: Os alinhadores são trocados de 10 em 10 dias, enquanto aparelhos fixos costumam ter uma única manutenção mensal. Isso faz com que, geralmente, o tratamento com Invisalign seja mais ágil e rápido do que com os aparelhos fixos. Assim, um tratamento com aparelhos de metal que se alongue mais dos que o previsto pode acabar custando o mesmo que o Invisalign.

    Além disso, o Invisalign oferece outras vantagens:

    • O aparelho é invisível: Se você preza pela estética do sorriso, e não quer chamar atenção para aparelhos de metal, vai perceber que vale à pena investir um pouco mais por alinhadores discretos como o Invisalign.
    • O aparelho pode ser removido durante as refeições: Assim, você pode continuar comendo a sua comida favorita, apenas tomando o cuidado de efetuar a higienização correta da boca após a refeição.
    • Eles são confortáveis: Os metais e fios dos aparelhos convencionais podem ser mais agressivos à boca do que o tratamento feito com Invisalign.

    Outro ponto que gosto de levantar é que, independente do preço, estamos falando da saúde da sua boca.  Lembre-se que o valor estimado por seu dentista inclui o pagamento por equipamentos de qualidade, equipe capacitada, conforto em um consultório moderno, e outros pontos que vão impactar diretamente no sucesso do seu tratamento. Se algo parece ter um valor muito abaixo do que é feito no setor, é importante desconfiar, especialmente quando você compara tratamentos de saúde. Às vezes, o barato sai caro.

    Quando as pessoas em meu consultório recebem o diagnóstico e o orçamento de acordo com cada caso, muitas percebem que o valor é até menor do que esperavam. Por isso, novamente ressalto que você precisa ir a um consultório para fazer toda a avaliação ortodôntica da sua dentição.

    Assim, em parceria com o seu ortodontista, você poderá decidir qual é o melhor tratamento para o seu caso, e o especialista poderá informar a você o orçamento. Vale lembrar que se o custo é uma preocupação para você, os consultórios costumam oferecer diferentes opções de pagamento, com planos flexíveis para que você faça o tratamento adequado ao seu sorriso.

    E você, já fez uma avaliação ortodôntica?

    Entre em contato comigo e agende uma consulta! Ficarei bastante feliz em atender você!